15.10.09

os modos de ser e de se relacionar com os próprios desejos são repetidos, acumulados, comprados e vendidos, ..

e pouco se sabe do que se sente
pouco se sente o que se sente
pouco se vive

3 comentários:

Catherine Castanho disse...

minto sempre que digo o que sinto.
passo a sentir aquilo que digo,
não aquilo que sinto.

bruno nobru disse...

Cat, sempre ótimos seus comentários, sintético e intenso.. tem uma confusão danada entre o que sinto e o que penso que sinto.. há anos atras escrevi "sobre o que eu sinto, só o sentimento sabe e esse não tem boca para falar e nem cabeça para pensar" , e "sinto coisas que sinto e sinto coisas que penso que sinto" , ..

Catherine Castanho disse...

=)

É exatamente isso.

Beijos, Bruno!